30 Jan 2019
Quarta-feira, Janeiro 30, 2019 16:47

OFERTA FORMATIVA – CENFIM NAV 2019 | Inscrições Abertas

Quarta-feira, Janeiro 30, 2019 16:47 Educação, Formação e Emprego 0 comentários

O CENFIM – Núcleo de Arcos de Valdevez tem neste momento abertas as candidaturas a várias ações de formação na área da Indústria Metalomecânica e Metalúrgica que irão incidir na realidade das organizações, através de abordagens conceptuais, com forte orientação prática, transmitindo conhecimentos e experiências que poderão melhorar a produtividade e incrementar o desenvolvimento de carreira.

Folhetos informativos, clique aqui.

Ações que pretendemos levar a cabo no presente ano:

① EFA-PRO Soldador/a (N2)

O/A Soldador/a é o /a profissional que executa a soldadura de conjuntos e estruturas metalomecânicas, seguindo instruções técnicas e cumprindo as exigências de qualidade expressas em normas.

  • Data de arranque (previsível): março de 2019
  • Data de fim (previsível): março de 2020
  • Idade: entre os 18 e os 45 anos;
  • Habilitação escolar mínima: 9º ano
  • Habilitação escolar máxima: 12.º ano/N4
  • Subsidiados/ não subsidiados/à procura do 1º emprego.

GRATUITO | ELEVADA TAXA DE EMPREGABILIDADE | ESTÁGIO INCLUÍDO

¿ Horário Laboral (9h00-17h00) – De segunda a sexta-feira (aprox. 11 meses c/ estágio incluído)

¾ Horário Pós-laboral (19-23h00) – De segunda a sexta-feira (aprox. 17 meses c/ estágio incluído)

€ APOIOS SOCIAIS (QUANDO APLICÁVEL):

Subsídio de alimentação – 4,77€/dia;

Despesa/ Subsídio de transporte – se vier em transporte público coletivo pagamos integralmente o valor do passe, se vier em transporte próprio poderá receber até um limite mensal máximo de 65,36€;

Bolsa de profissionalização (apenas aplicável em horário laboral) – limite mensal máximo de 152,52€/mês;

Subsídio de acolhimento – limite mensal máximo de 217,88€/mês, para indivíduos que possuam menores ou adultos dependentes, que pelo motivo de  integrarem a formação os tenham que colocar numa entidade (ex: Creche, Infantário, ATL, Centro de dia, Centro ocupacional);

Subsídio de alojamento (Não acumulável com subsídio de transporte| Apenas aplicável no horário laboral) –  limite mensal máximo de 130,73€;

NOTA (1): o somatório do subsídio de alimentação + subsídio/despesa de transporte não poderá ultrapassar o valor mensal de 326,82€ (75% do IAS);

NOTA (2): Os formandos ativos empregados só têm direito a apoios caso a formação decorra fora do seu horário normal de trabalho;

NOTA (3) : Todos os apoios definidos no presente documento não são atribuídos durante o período de gozo de férias.

② EFA-PRO Serralheiro/a Mecânico/a (N2)

O/A Serralheiro Mecânico/a é o /a profissional que, de forma autónoma e precisa e utilizando técnicas e meios manuais e mecanizados apropriados, fabrica, repara, conserva, monta e ajusta peças e componentes de máquinas, motores e outros equipamentos.

  • Data de arranque (previsível): abril de 2019
  • Data de fim (previsível): abril de 2020
  • Idade: entre os 18 e os 45 anos;
  • Habilitação escolar mínima: 9º ano
  • Habilitação escolar máxima: 12.º ano/N4
  • Subsidiados/ não subsidiados/à procura do 1º emprego.

GRATUITO | ELEVADA TAXA DE EMPREGABILIDADE | ESTÁGIO INCLUÍDO

¿ Horário Laboral (9h00-17h00) – De segunda a sexta-feira (aprox. 11 meses c/ estágio incluído)

¾ Horário Pós-laboral (19-23h00) – De segunda a sexta-feira (aprox. 17 meses c/ estágio incluído)

€ APOIOS SOCIAIS (QUANDO APLICÁVEL):

Subsídio de alimentação – 4,77€/dia;

Despesa/ Subsídio de transporte – se vier em transporte público coletivo pagamos integralmente o valor do passe, se vier em transporte próprio poderá receber até um limite mensal máximo de 65,36€;

Bolsa de profissionalização (apenas aplicável em horário laboral) – limite mensal máximo de 152,52€/mês

Subsídio de acolhimento – limite mensal máximo de 217,88€/mês, para indivíduos que possuam menores ou adultos dependentes, que pelo motivo de  integrarem a formação os tenham que colocar numa entidade (ex: Creche, Infantário, ATL, Centro de dia, Centro ocupacional);

Subsídio de alojamento (Não acumulável com subsídio de transporte| Apenas aplicável no horário laboral) –  limite mensal máximo de 130,73€;

NOTA (1): o somatório do subsídio de alimentação + subsídio/despesa de transporte não poderá ultrapassar o valor mensal de 326,82€ (75% do IAS);

NOTA (2): Os formandos ativos empregados só têm direito a apoios caso a formação decorra fora do seu horário normal de trabalho;

NOTA (3) : Todos os apoios definidos no presente documento não são atribuídos durante o período de gozo de férias.

③ Percurso Qualificante Técnico/a de Maquinação e Programação CNC 

O/A Técnico/a de Maquinação e Programação CNC é o/a profissional que executa a programação de máquinas ferramenta CNC manualmente, no controlador da máquina ou desenvolve o programa de maquinação com o auxílio do computador (CAM), executa a preparação do trabalho, opera com diferentes tipos de máquinas-ferramenta CNC e faz o controlo dimensional com auxílio de ferramentas e equipamento de medição/verificação.

  • Data de arranque (previsível): abril de 2019
  • Data de fim (previsível): maio de 2020
  • Idade: entre os 18 e os 45 anos;
  • Habilitação escolar mínima: 9º ano
  • Habilitação escolar máxima: Licenciatura/Mestrado;
  • Subsidiados/ não subsidiados/ à procura do 1º emprego.

GRATUITO | ELEVADA TAXA DE EMPREGABILIDADE | ESTÁGIO INCLUÍDO

¿ Horário Laboral (9h00-17h00) – De segunda a sexta-feira (aprox. 12 meses c/ estágio incluído)

¾ Horário Pós-laboral (19-23h00) – De segunda a sexta-feira (aprox. 18 meses c/ estágio incluído)

€ APOIOS SOCIAIS (QUANDO APLICÁVEL):

Subsídio de alimentação – 4,77€/dia;

Despesa/Subsídio de transporte – se vier em transporte público coletivo pagamos integralmente o valor do passe, se vier em transporte próprio poderá receber até um limite mensal máximo de 65,36€;

Bolsa de profissionalização (apenas aplicável em horário laboral) – limite mensal máximo de 152,52€/mês

NOTA (1): o somatório do subsídio de alimentação + subsídio/despesa de transporte não poderá ultrapassar o valor mensal de 326,82€ (75% do IAS);

NOTA (2): Os formandos ativos empregados só têm direito a apoios caso a formação decorra fora do seu horário normal de trabalho;

NOTA (3) : Todos os apoios definidos no presente documento não são atribuídos durante o período de gozo de férias.

 Percurso Qualificante Técnico/a de Manutenção Industrial de Metalurgia e Metalomecânica

O/A Técnico de Manutenção Industrial de Metalurgia e Metalomecânica é o profissional que orienta e desenvolve os trabalhos na área da manutenção, relacionados com a análise o diagnóstico das condições de funcionamento dos equipamentos eletromecânicos, preparação da intervenção em manutenção preventiva, sistemática ou corretiva, sua execução, ensaios, reposição em Marcha e execução de ficha de intervenção, de acordo com as especificações técnicas e qualidade definidas.

  • Data de arranque (previsível): maio de 2019
  • Data de fim (previsível): junho de 2020
  • Idade: entre os 18 e os 45 anos;
  • Habilitação escolar mínima: 9º ano
  • Habilitação escolar máxima: Licenciatura/Mestrado;
  • Subsidiados/ não subsidiados/ à procura do 1º emprego.

GRATUITO | ELEVADA TAXA DE EMPREGABILIDADE | ESTÁGIO INCLUÍDO

¿ Horário Laboral (9h00-17h00) – De segunda a sexta-feira (aprox. 12 meses c/ estágio incluído)

¾ Horário Pós-laboral (19-23h00) – De segunda a sexta-feira (aprox. 18 meses c/ estágio incluído)

€ APOIOS SOCIAIS (QUANDO APLICÁVEL): Subsídio de alimentação |Subsídio de transporte |Bolsa de profissionalização

Subsídio de alimentação – 4,77€/dia;

Despesa/Subsídio de transporte – se vier em transporte público coletivo pagamos integralmente o valor do passe, se vier em transporte próprio poderá receber até um limite mensal máximo de 65,36€;

Bolsa de profissionalização (apenas aplicável em horário laboral) – limite mensal máximo de 152,52€/mês

NOTA (1): o somatório do subsídio de alimentação + subsídio/despesa de transporte não poderá ultrapassar o valor mensal de 326,82€ (75% do IAS);

NOTA (2): Os formandos ativos empregados só têm direito a apoios caso a formação decorra fora do seu horário normal de trabalho;

NOTA (3) : Todos os apoios definidos no presente documento não são atribuídos durante o período de gozo de férias.

 ⑤ CET Técnico/a Especialista em Tecnologia Mecatrónica (N5)

O/A Técnico/a Especialista em Tecnologia Mecatrónica é o/a profissional que desenvolve atividades nas áreas de projeto, planeamento, fabrico e manutenção, integrando tecnologias de mecânicas, electrotecnia, automação e informática, com vista ao desenvolvimento de produtos, sistemas e processos melhorados, conducentes a um aumentos da qualidade e produtividade.

  • Data de arranque (previsível): fevereiro de 2019
  • Data de fim (previsível): novembro de 2021
  • Idade: entre os 18 e os 30 anos;
  • Habilitação escolar mínima: 12º ano/N4 ;
  • Habilitação escolar máxima: Licenciatura/Mestrado;
  • Subsidiados/ não subsidiados/ à procura do 1º emprego.

GRATUITO | ELEVADA TAXA DE EMPREGABILIDADE | ESTÁGIO INCLUÍDO | DIPLOMA DE ESPECIALIZAÇÃO TECNOLÓGICA | ECTS UNIVERSITÁRIOS | HIPÓTESE ERASMUS +

¿ Horário Laboral (9h00-17h00) – De segunda a sexta-feira (aprox. 18 meses c/ estágio incluído)

¾ Horário Pós-laboral (19-23h00) – De segunda a sexta-feira (aprox. 30 meses c/ estágio incluído)

€ APOIOS SOCIAIS (QUANDO APLICÁVEL):

Subsídio de alimentação – 4,77€/dia;

Despesa/ Subsídio de transporte – se vier em transporte público coletivo pagamos integralmente o valor do passe, se vier em transporte próprio poderá receber até um limite mensal máximo de 65,36€;

Subsídio de acolhimento – limite mensal máximo de 217,88€/mês, para indivíduos que possuam menores ou adultos dependentes, que pelo motivo de  integrarem a formação os tenham que colocar numa entidade (ex: Creche, Infantário, ATL, Centro de dia, Centro ocupacional);

NOTA (1): o somatório do subsídio de alimentação + subsídio/despesa de transporte não poderá ultrapassar o valor mensal de 326,82€ (75% do IAS);

NOTA (2): Os formandos ativos empregados só têm direito a apoios caso a formação decorra fora do seu horário normal de trabalho;

NOTA (3) : Todos os apoios definidos no presente documento não são atribuídos durante o período de gozo de férias.

 ⑥ CET Técnico/a Especialista em Gestão da Produção (N5)

O/A Técnico/a Especialista em Gestão da Produção (Supervisor/a da Produção) – Indústria Metalúrgica e Metalomecânica é o/a profissional que programa, planeia, distribui e coordena, em colaboração com os órgãos directivos da empresa, as atividades de produção e os equipamentos, materiais e recursos humanos afetos ao processo produtivo, a fim de adequar a qualidade e quantidade da produção às necessidades dos clientes.

  • Data de arranque (previsível): março de 2019
  • Data de fim (previsível): julho/agosto de 2020
  • Idade: entre os 18 e os 30 anos;
  • Habilitação escolar mínima: 12º ano/N4 ;
  • Habilitação escolar máxima: Licenciatura/Mestrado;
  • Subsidiados/ não subsidiados/ à procura do 1º emprego.

GRATUITO | ELEVADA TAXA DE EMPREGABILIDADE | ESTÁGIO INCLUÍDO | DIPLOMA DE ESPECIALIZAÇÃO TECNOLÓGICA | ECTS UNIVERSITÁRIOS | HIPÓTESE ERASMUS +

¿ Horário Laboral (9h00-17h00) – De segunda a sexta-feira (aprox. 18 meses c/ estágio incluído)

¾ Horário Pós-laboral (19-23h00) – De segunda a sexta-feira (aprox. 30 meses c/ estágio incluído)

€ APOIOS SOCIAIS (QUANDO APLICÁVEL):

Subsídio de alimentação – 4,77€/dia;

Despesa/ Subsídio de transporte – se vier em transporte público coletivo pagamos integralmente o valor do passe, se vier em transporte próprio poderá receber até um limite mensal máximo de 65,36€;

Subsídio de acolhimento – limite mensal máximo de 217,88€/mês, para indivíduos que possuam menores ou adultos dependentes, que pelo motivo de  integrarem a formação os tenham que colocar numa entidade (ex: Creche, Infantário, ATL, Centro de dia, Centro ocupacional);

NOTA (1): o somatório do subsídio de alimentação + subsídio/despesa de transporte não poderá ultrapassar o valor mensal de 326,82€ (75% do IAS);

NOTA (2): Os formandos ativos empregados só têm direito a apoios caso a formação decorra fora do seu horário normal de trabalho;

NOTA (3) : Todos os apoios definidos no presente documento não são atribuídos durante o período de gozo de férias.

⑦ CET Técnico/a Especialista em Tecnologia Mecânica (N5)

O/A Técnico/a Especialista em Tecnologia Mecânica é o/a profissional que analisa e executa projetos de sistemas mecânicos aplicando os modos operativos e os métodos do processo produtivo mais eficazes, bem como planeia, distribui e coordena as atividades e os recursos afetos à produção com vista à otimização dos resultados.

  • Data de arranque (previsível): abril de 2019
  • Data de fim (previsível): agosto/setembro de 2020
  • Idade: entre os 18 e os 30 anos;
  • Habilitação escolar mínima: 12º ano/N4 ;
  • Habilitação escolar máxima: Licenciatura/Mestrado;
  • Subsidiados/ não subsidiados/ à procura do 1º emprego.

GRATUITO | ELEVADA TAXA DE EMPREGABILIDADE | ESTÁGIO INCLUÍDO | DIPLOMA DE ESPECIALIZAÇÃO TECNOLÓGICA | ECTS UNIVERSITÁRIOS | HIPÓTESE ERASMUS +

¿ Horário Laboral (9h00-17h00) – De segunda a sexta-feira (aprox. 18 meses c/ estágio incluído)

¾ Horário Pós-laboral (19-23h00) – De segunda a sexta-feira (aprox. 30 meses c/ estágio incluído)

€ APOIOS SOCIAIS (QUANDO APLICÁVEL):

Subsídio de alimentação – 4,77€/dia;

Despesa/ Subsídio de transporte – se vier em transporte público coletivo pagamos integralmente o valor do passe, se vier em transporte próprio poderá receber até um limite mensal máximo de 65,36€;

Subsídio de acolhimento – limite mensal máximo de 217,88€/mês, para indivíduos que possuam menores ou adultos dependentes, que pelo motivo de  integrarem a formação os tenham que colocar numa entidade (ex: Creche, Infantário, ATL, Centro de dia, Centro ocupacional);

NOTA (1): o somatório do subsídio de alimentação + subsídio/despesa de transporte não poderá ultrapassar o valor mensal de 326,82€ (75% do IAS);

NOTA (2): Os formandos ativos empregados só têm direito a apoios caso a formação decorra fora do seu horário normal de trabalho;

NOTA (3) : Todos os apoios definidos no presente documento não são atribuídos durante o período de gozo de férias.

⑧ EFA Técnico de Desenho de Construções Mecânicas (N4)

O/A Técnico/a de Desenho de Construções Mecânicas é o/a profissional que desenvolve as atividades relacionadas com a análise de projetos, preparação, conceção e execução de desenhos de estudo e/ou fabricação de construções mecânicas, por métodos convencionais ou assistidos por computador, assim como o controlo e acompanhamento do fabrico, ensaios e montagem das construções mecânicas, tendo em vista a otimização do projeto.

  • Data de arranque (previsível): março de 2019
  • Data de fim (previsível): outubro de 2020
  • Idade: entre os 23 e os 45 anos;
  • Habilitação escolar mínima: 9º ano/ N2
  • Habilitação escolar máxima: 11.º ano /12.º ano incompleto;
  • Subsidiados/ não subsidiados/à procura do 1º emprego.

GRATUITO | ELEVADA TAXA DE EMPREGABILIDADE | ESTÁGIO INCLUÍDO

¿ Horário Laboral (9h00-17h00) – De segunda a sexta-feira (aprox. 18 meses c/ estágio incluído)

¾ Horário Pós-laboral (19-23h00) – De segunda a sexta-feira (aprox. 24 meses c/ estágio incluído)

€ APOIOS SOCIAIS (QUANDO APLICÁVEL):

Subsídio de alimentação – 4,77€/dia;

Despesa/ Subsídio de transporte – se vier em transporte público coletivo pagamos integralmente o valor do passe, se vier em transporte próprio poderá receber até um limite mensal máximo de 65,36€;

Bolsa de profissionalização (apenas aplicável em horário laboral) – limite mensal máximo de 152,52€/mês;

Subsídio de acolhimento – limite mensal máximo de 217,88€/mês, para indivíduos que possuam menores ou adultos dependentes, que pelo motivo de  integrarem a formação os tenham que colocar numa entidade (ex: Creche, Infantário, ATL, Centro de dia, Centro ocupacional);

Subsídio de alojamento (Não acumulável com subsídio de transporte| Apenas aplicável no horário laboral) –  limite mensal máximo de 130,73€;

NOTA (1): o somatório do subsídio de alimentação + subsídio/despesa de transporte não poderá ultrapassar o valor mensal de 326,82€ (75% do IAS);

NOTA (2): Os formandos ativos empregados só têm direito a apoios caso a formação decorra fora do seu horário normal de trabalho;

NOTA (3) : Todos os apoios definidos no presente documento não são atribuídos durante o período de gozo de férias.

Se estiver interessado(a) em algumas destas ofertas deverá proceder ao preenchimento da ficha de inscrição (editável) que segue anexa e remeter-nos a mesma via email, juntamente com a digitalização do seu documentos de identificação civil (se autorizar) e certificado de habilitações.

Hermínia Pinto

Diretora do Núcleo de Arcos de Valdevez

 E-mail: herminia.pinto@cenfim.pt

Centro de Formação e Exposições – Passos – Guilhadeses – Apartado 62

4974-909 ARCOS DE VALDEVEZ, PORTUGAL

Telef. (+351) 258  510 010 – (+351) 93 606 84 55  |

E-mail: avaldevez@cenfim.pt  |  Site: www.cenfim.pt

 

 Ficha de Inscrição

 

Partilhar:

Deixe um Comentário